sexta-feira, 19 de abril de 2013

Dia do Índio, será?


 






 Hoje comemoramos o Dia do Índio! ...
 
Juro que por mim [otimista contumaz] gostaria de dizer que os índios no Brasil, mais especificamente no Rio Grande do Sul, vivem muito bem, em paz com a natureza, em terras próprias, com saúde e recursos naturais abundantes...
 
Mas não dá, moro em Gravataí e sempre que vamos ao Litoral Norte somos testemunhas dos índios que perambulam na margem da RS040 [entre Viamão e Cidreira], ou na conhecida Rua da Praia no Centro de Porto Alegre, as índias e seus inúmeros filhos sentados nas calçadas, tentando vender alguns poucos animais entalhados e cestos.
 
Os índios que ainda vivem no Brasil, afora os que se encontram nas aldeias mais ao Norte, na maioria vivem situação de penúria! Não tem terras demarcadas, e as poucas que porventura tenham são alvo de ameaça de madeireiros e criadores de gado, e aqui no Sul não existe a memória indígena de forma contundente, com o orgulho do ser indígena, da valorização da cultura, do modo de vida...
 
Sei que a Funai é o órgão competente para tratar dos problemas indígenas e que se for atrás dos relatórios, algo foi feito, mas acredito que muito poderia ter sido feito nos últimos governos democráticos...
 
Mas hoje é dia de "festa" para o povo indígena...
 
Que seja, ao menos, dia de vitrine às suas causas mais urgentes!

Imagens e dados retirados da Publicação Porantim do Cimi [Conselho Indigenista Missionário] Edição fechada em 14/07/2012: Os acampamentos Indígenas no Rio Grande do Sul, por Renato Santana

:]

4 comentários:

Coisas de Tássia disse...

Gostei muito do post. Infelizmente a realidade na qual os indígenas do Brasil inteiro se encontram são terríveis. Sou historiadora e por muitos anos trabalhei com pesquisa voltada para o processo de transfiguração cultural e consequentemente o processo aldeiamentos e marginalização dos povos indígenas, realmente este assunto pecisa estar mais presente nas discussões de políticas públicas/sociais no nosso pais.


Bjos

Mira disse...

Olá Mila ,o que postou é um caso muito sério e triste ,povos que foram
despojados das suas terras e da sua
dignidade ,e comemorar o quê?
Enfim esperamos que se mostre mais
respeito ,pelas minorias...
BEIJO

Ana disse...

Lembro-me de ter estudado isso na faculdade, tive história do Brasil. Eu acho muito triste o estado a que essas pessoas chegam, elas são património e deviam ser valoriadas...
beijinhos

Milaresendes disse...

Oi Tássia, pois é, parar de lembrar do índio somente em abril... valorizar esses povos que foram praticamente dizimados, ou massificados. Grande parcela do povo indígena está morando em favelas!
Oi Mira, realmente precisamos resgatar as minorias de nossa história; e exaltá-los pela sua cultura.
Oi Ana, isso mesmo! Deveria, mas infelizmente o índio no Brasil só é lembrado em abril, onde aprendemos a fazer cocar com pena de galinha! Muito triste a realidade dos povos indígenas.
Bjkas
Mila